Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Cochilos durante o dia aumentam o risco de morte em até 34%

por Agar, em 30.08.20

Screenshot_2020-08-30 20200108-cochilo-faz-bem-696

Se você tem a mania de tirar um cochilo durante o dia, é bom ficar de olho na duração do descanso. Isso porque ele não deve ultrapassar uma hora. Quando passa dos 60 minutos, a soneca é associada a um risco maior de morte. Segundo um estudo chinês, o aumento pode chegar a 34%. E as mulheres costumam ser as mais afetadas.

Os cientistas chegaram à conclusão após analisar dados de 313.651 voluntários. Desses, 39% tinham o hábito de fazer as sestas. Ao avaliar a duração do descanso e as causas de morte, a equipe percebeu que o cochilo durante o dia pode interferir na longevidade. Entre as pessoas que dormiam mais de 60 minutos, o hábito foi associado a um risco 30% maior de morte por todas as causas. Considerando apenas a morte por doenças cardiovasculares, o risco subiu para 34%.

A associação foi mais expressiva em mulheres, que tiveram risco de morte aumentado em 22%, quando comparadas as que não dormiam durante o dia. No caso dos idosos, a vulnerabilidade também chamou a atenção: um aumento de 17%. Os resultados foram apresentados hoje, no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia, e chamam a atenção por colocar em xeque um hábito muito comum.

Em vários países, o cochilo durante o dia é visto como uma forma de recarregar as energias ou de recuperar uma noite maldormida.  “Uma visão comum é que cochilar melhora o desempenho e neutraliza as consequências negativas dos débitos de sono. Nosso estudo desafia essas opiniões amplamente difundidas”, afirma, em comunicado, Zhe Pan, da Guangzhou Medical University, na China, e autor do estudo.

Cochilos devem ser mais curtos

Zhe Pan e os colegas não defendem que as pessoas abandonem as sestas. A pesquisa sinaliza, na verdade, que elas devem durar menos tempo. “Os resultados sugerem que cochilos mais curtos, especialmente aqueles com 30 a 45 minutos, podem melhorar a saúde cardíaca em pessoas que dormem insuficientemente a noite”, diz o cientista.

Ainda não há explicações para o fato de os cochilos comprometerem a saúde. Segundo Zhe Pan, alguns estudos sugerem que as sonecas mais longas estão associadas a níveis mais elevados de inflamação no corpo. Há também pesquisas que relacionam o hábito à ocorrência de pressão alta e diabetes.

Todas essas complicações têm impacto direto no sistema cardiovascular e também na longevidade. Por isso, o melhor é cochilar com moderação, indica Zhe Pan. “Se você quiser fazer uma sesta, nosso estudo indica que é mais seguro mantê-la em menos de uma hora. Para aqueles que não têm o hábito de dormir durante o dia, não há evidências convincentes para começar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:44

Biólogos são surpreendidos por rara orca branca no Alasca; veja o vídeo

por Agar, em 21.08.20

Screenshot_2020-08-21 biologos-foram-surpreendidos

Uma rara orca branca foi avistada na costa do Alasca no início de agosto e deixou pesquisadores animados. Estima-se que hoje existam apenas cinco desses animais.

A bióloga marinha Stephanie Hayes estava em um passeio com um grupo de observadores de baleia jubarte quando eles perceberam três orcas nadando ao seu redor.

"Imediatamente percebemos que estávamos testemunhando algo especial. Foi um sonho virando realidade", disse Hayes em entrevista à rede CBS. Dias depois, em um novo passeio em busca de focas, Hayes viu a orca novamente.

A orca foi chamada de Tl'uk e estima-se que tenha dois anos de idade. Ela nadava entre duas orcas adultas. Os pesquisadores a apelidaram de Tl'uk, palavra que significa "lua". A escolha foi por causa de sua cor acinzentada, semelhante à da lua.

Veja o vídeo gravado pela bióloga

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:41


Este site tratará de assuntos diversos.

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2020

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D